Beleza verde: Verdade ou armadilha?

A onda natural vibe é tendência no mundo inteiro e traz junto o movimento slow beauty, que está crescendo exponencialmente no mercado. Mas, CUIDADO! Você pode cair em uma armadilha. ATENÇÃO!

Imagine a cena:

Lá está você muito feliz comprando um produto que promete ser muito natural e ainda por cima, é quase milagroso, o preço é bom e o investimento parece ótimo. Você começa a usar jurando que arrasou na compra e nem imagina que foi enganad@.

Nem se espante, muitas marcas já se ligaram que essa tendência veio para ficar, e estão usando o argumento “natural” para atrair cada vez mais adeptos. Algumas estratégias são: dizer que é orgânico, feito de produtos naturais, não agride o meio ambiente, livre disso, livre daquilo…. No entanto, muitas vezes não passa de estratégia de marketing para atrair você, que inocentemente está em busca um estilo de vida mais saudável.

Quer saber como identificar um produto natural fake? Então continue lendo este post.

  • O primeiro passo é, não sair comprando qualquer coisa a qualquer hora, só porque passou em frente a uma loja bonita, porque um produto chamou sua atenção ou pior ainda, o vendedor ficou enchendo sua cabeça de argumentos. Eu sei que é difícil, mas vamos lá, a gente consegue, resista!
  • O segundo passo é, ficar atent@ ao rótulo do produto. Vai parecer algo chato no começo, mas depois você vai acostumando e nunca mais vai comprar nada sem ler os rótulos. Acredite! Você vai achar que não entende nada por encontrar muita palavra que parece grego, mas é aí que está, quanto MENOS você entender, fuja desse produto! Saiba que as marcas precisam ser claras com você e ninguém é obrigado a cursar 3 semestres de farmácia para entender a droga de um rótulo! Pronto, falei.

Claro que alguns a gente vai ter que ir aprendendo mesmo kkkkkk, mas o que você precisa saber é que os ingredientes devem ser livres de sulfatos, parabenos, pesticidas, conservantes e produtos sintéticos. Quanto mais vegetais e minerais forem os ingredientes, e quanto mais fácil você conseguir entender o que tem nele, melhor.

  • O terceiro passo é, veja se a embalagem do produto é biodegradável, se não for, é um natural fake, não caia.
  • Por último, atenção aos selos. Veja se o produto tem a certificação de órgãos reguladores como, ANVISA, ANS, e para produtos 100% naturais: IBD e Ecocert.

Depois dessas dicas, você nunca mais vai cair no conto do vigário.

Beijos da Dê.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.